quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Ateliê Multicultural será sede da Rádio Porto do Capim - Parahyba - Brasil

RÁDIO PORTO DO CAPIM - PARAHYBA - BRASIL

É com grande entusiasmo que o Ateliê Multicultural Elioenai Gomes sediará a Rádio Porto do Capim, projeto de Mestrado Profissional em Jornalismo da UFPB da jornalista Edileide Vilaça, com orientação da professora Olga Tavares e coordenação da professora Joana Belarmino. Intitulado DO DIAL AO PC: a webradio como ferramenta de radiojornalismo comunitário, a webradio foi acolhida de imediato pelo Ateliê Multicultural e vem fortalecer o trabalho realizado no espaço, direcionado à revitalização humanizada do Centro Histórico, com atenção aos moradores.




 De acordo com o gestor do Ateliê, o artista visual Elioenai Gomes o projeto potencializará o trabalho de construção de conceitos e ações voltadas à melhor qualidade de vida da população do bairro, da cidade Parahyba e do mundo. “O Ateliê é um espaço de educação, cultura, sustentabilidade e inclusão” afirma o artista

A professora Joana Belarmino, coordenadora do Mestrado da UFPB, destacou a importância do projeto para concretizar a missão da Universidade no campo da extensão, bem como de sua importância no fortalecimento do programa de mestrado em jornalismo. "Esse projeto engrandece nosso programa acadêmico".



Os produtos e arranjos criativos realizados no Ateliê promovem a arte como principal ferramenta de cidadania e expansão do ser humano, tendo como foco crianças, adolecentes e seus familiares.





A sala e os materiais necessários para a montagem do estúdio já foram selecionados pela equipe gestora do projeto. A webrádio ampliará as ações e o poder de mobilização da população do Bairro do Varadouro, oferecendo espaço para promoção de cidadania cultural e diversidade em uma plataforma com acesso gratuito pela internet. 


O Ateliê fica na Ladeira da Borborema, 101, Varadouro (Centro Histórico). Mais informações pelo telefone 87309629.


"Foi às margens deste rio, que avança para o mar,
e que deixa, em seu caminho, tantos manguezais,
abrigando, em cada um, muita vida à se formar,
que surgiu, num certo dia, um bem pequeno cáis.

Era o Porto do Capim, que veio assim se chamar,
porque era o capim o que se transportava mais.
Depois virou Varadouro, prá logo se transformar
nesta cidade bonita, com seus traços divinais.

Foi na beleza, portanto, deste Porto do Capim,
que a cidade foi surgindo e crescendo até o fim,
pintando de eternidade os seus momentos breves.

No alto da ladeira, a imagem de um mosteiro...
o primeiro casario... o povo... a força... o cruzeiro...
- É a Cidade Real de Nossa Senhora das Neves. "

Um comentário:

  1. Parabéns a todos(s) os(as) envolvidos(as) nessa empreitada! Sou formado como radialista e trabalhei por muito anos como oficineiro de Rádio em projetos sociais. Adoraria trabalhar com vocês, aos finais de semana, mesmo que de forma voluntária. Sergio Silva

    ResponderExcluir